Porque não atendo convênios.

Porque não atendo convênios, os planos de saúde (convênios) dificultam como podem a adesão de nutricionistas em sua rede de cooperados, inviabilizando a maioria das parcerias por estrutura ou por valores. Porem os planos de saúde tem responsabilidades e os associados podem solicitar reembolso desde que não tenha escopo estético. Recomendamos leitura do link abaixo.
http://www.idec.org.br/consultas/dicas-e-direitos/tenho-direito-de-ser-atendido-por-psicologo-nutricionista-terapeuta-ocupacional-ou-fonoaudiologo

Um breve relato

Os convênios de planos de saúde são conhecidos por fazer dos médicos e profissionais de saúde cooperados escravos do trabalho. Para que esses profissionais tenham uma remuneração compatível com a profissão, eles precisam atender os pacientes em no máximo 15 minutos.

Mas espera ae… se em 15 minutos você não faz uma entrevista de emprego imagine descobrir as causas dos problemas que atingem os pacientes. Quando fui ao ginecologista minha consulta durou 12 minutos contados no relógio, não senti muita firmeza no diagnostico pela forma que foi conduzido o atendimento, então na hora dos exames laboratoriais que eu vi nitidamente como funciona o sistema.

Eu precisava fazer uma ecografia, 3 locais foram sugeridos. Ao ligar para agendar o exame no primeiro laboratório a pergunta que a atendente fez foi: –Particular ou convênio? A segunda: -Qual o convênio?
Esse é o momento onde a secretária seleciona a data do exame para particular e convênios. Tive a nítida impressão que a data exageradamente afastada tem o intuito de fazer o paciente desistir do exame em razão do valor que o convênio repassa ao laboratório (No meu caso só teria vaga a partir de 42 dias). Então ficaria eu sentindo dor e angustiada sem saber o que eu tinha por um tempo tão longo? Agradeci e desliguei o telefone.
Liguei novamente, mas dessa vez informando que seria particular e adivinha para quando tinha agenda? Acertou quem pensou no dia seguinte.

Profissionais

Existe uma sabedoria popular no meio profissional que diz assim:
– Quando fazemos algo bem feito devemos cobrar.
Por isso invisto na minha profissão fazendo cursos, viagens, congressos, eventos, propaganda, equipamentos e o que mais for necessário para melhorar sempre o nível do meu aprendizado e oferecer o melhor pro meu paciente.

Me causa extrema alegria ver que tanto investimento e trabalho tiveram resultados tão positivos. Sou muito grata a Deus por me dar a oportunidade de trabalhar em algo que gosto muito e ter excelentes pacientes que entendem o meu trabalho se entregando aos meus cuidados.

O consultório

Em minhas consultas uso de 1 a 2 horas por paciente. Esse é o tempo que uso para investigar o histórico do paciente, captar detalhes que ele esconde sem saber e estabelecer o contato psicológico para que ele se sinta a vontade para contar os problemas que incomodam ele (escutar e entender as suas necessidades). Mais que um atendimento, o paciente tem a oportunidade de testar os meus conhecimento extraindo o máximo de informações possíveis relacionadas a nutrição e suas disciplinas – funcional, esportiva, celular . Por isso a dieta é personalizada e entregue em 1 semana.

Os convênios em geral pagam de R$10,00 a R$30,00 por consulta para médicos. Já para nutricionistas e fisioterapeutas esse valor chega R$4,00. Uma outra situação e a dificuldade de adesão aos convênio que desmerecem nossa profissão dizendo indiretamente que não tem importância relevante frente a medicina.
Por isso que quando você vai a uma nutricionista que atende por convenio ela mede seu peso e altura, te escuta por no máximo 5 min:
– Aham, aham. – e em tom de pressa, puxa uma dieta genérica em xerox de uma das 3 pilhas que ela tem, e vai te conduzindo até a porta para você reagendar com a secretária.

*Lembrando que nem o médico e nem a nutricionista que atendem convenio são ruins, apenas fazem isso porque são obrigados, senão o salário deles não fica equivalente ao de um pintor – obviamente não estou desmerecendo o seu trabalho, mas que não investiu tempo, dinheiro e estudo em prol da saúde e na melhoria da qualidade de vida de pessoas.

32 respostas para “Porque não atendo convênios.”

  1. Carolina, meus parabens pelo seu trabalho, pelo site e principalmente pela honestidade, seriedade e profissionalismo, cheguei até o teu site pesquisando sobre CrossFit em Curitiba e por curioso que sou sobre o assunto exercicio fisico acabei lendo parte de seus textos. Esse sobre não atender com convenios e otimo, pois sei bem oque é isso, ja trabalhei em plano de saude.
    Que Deus continue iluminando seu caminho, mais uma vez meus parabens.
    Abraços
    Marcelo

    1. Oi Marcelo
      Nem sempre as pessoas que leem o texto compreendem que´tem um caráter informativo e de protesto ao mesmo tempo.
      Só quem já passou por isso entende.
      Obrigado pelo seu elogio Marcelo, lhe desejo lhe também muita sorte e sucesso.

    1. Olá Iverson
      Que bom que gostou, comentários assim, além de feliz estimula a manter o site em ordem 😉
      Seja sempre bem vindo.
      Um abraço

  2. Carolina Bom dia, você não é a primeira da area médica que vejo fazer esse comentario, o triste é saber que você paga o convênio em dia, e não são valores pequenos e

  3. É A MAIS PURA VERDADE. GOSTEI MUITO DESSE POST. AQUI EM MACAÉ TEM UM CARDIOLOGISTA (PASMEM) QUE ATENDE EXATAMENTE ASSIM, COM UM DIFERENCIAL, QUANDO VC ENTRA NO CONSULTÓRIO, ELE JÁ ESTÁ COM O PEDIDO DE EXAMES “COÇANDO” NAS MÃOS, EXAMES QUE SÓ PODEM SER FEITOS NA CLINICA DELE PQ VC PODE FAZER NO MESMO DIA E O DIAGNÓSTICO É … MELHOR (???)

  4. Eu realmente não entendia o porque de não achar nenhuma nutricionista que atendesse por plano, mas agora entendo e super apoio!!
    Meu curso de Nutrição começa ano que vem e estou esperançosa. Boa sorte p nós!! beijo e parabéns pelo texto.

  5. Olá Carolina,
    Gostaria de dizer que apoio totalmente o relatado no texto. Me formei a pouco em nutrição e, realmente não é possível realizar consultas por meio do convênio. Se tratando da nossa área a qual possuo um pouco mais de conhecimento que as demais, quando seria realmente possível uma consulta de 15 min. com um paciente? Acho até injusto, uma vez que o paciente quer e precisa ser ouvido e questionado minuciosamente para um bom planejamento alimentar e resultados positivos.
    Optando pelo particular, não estamos querendo ganhar em cima dos clientes, mas sim realizar um atendimento em que eles saiam satisfeitos e não denigram a nossa imagem, muito pelo contrário.
    Bom, parabéns pelo site, é bem informativo e claro.

    1. Oi Samara
      Obrigado pelo seu comentário e parabéns pela sua graduação em nutrição.
      Nutrição acima de tudo é uma profissão como outra qualquer que exige dedicação, estudo e remuneração por isso. Apenas algumas nutricionistas conseguem destaque e ganham a vida trabalhando apenas nessa área. Quando comecei em 2006 eu atendia todas as áreas da nutrição, com o tempo, experiência e muitas indicações especificas optei por me aprofundar mais na área esportiva e funcional. Mesmo que os planos de saúde aceitassem com mais normalidade a nutrição, ainda assim não valeria a pena porque o atendimento massivo não traz credibilidade, respeito nem remuneração, reduzindo assim a nutricionista a uma entregadora de dietas de xerox.
      Sucesso!!

  6. Parabéns Carolina pelo texto, diga-se de passagem, corajoso. Como professora de yoga e esteticista fui estudar Nutrição para acrescentar ao meu trabalho respaldos científicos, portanto com idade já beirando os 50 anos. Fiquei muito decepcionada quando ouvi que tinhamos que fazer um primeiro atendimento em no máximo 1 hora e o retorno em 30 minutos, realmente nunca consegui e ainda mais em 15 minutos, afff. Quando olhamos o paciente como um todo, de forma holística, não conseguimos tirar uma dieta da gaveta, vamos muito além. Assim amei saber que existem pessoas que olham o paciente além da nutrição física. Bjs e sucesso!

  7. Parabéns pelo texto. Acho só que o problema é mais além…
    Os convênios de saúde relatam dificuldade no controle de custos, mas se eles pensassem a longo prazo eles veriam que o nutricionista não é um custo e sim um investimento. Qualquer tratamento de saúde será melhor com uma boa alimentação e individualizada por paciente. Podemos incluir gastrite, refluxo, hérnia de hiato, esteatose hepática, diabetes, hipertensão arterial, acompanhamento de bariátrica, etc. Os planos de saúde hoje se comportam como o próprio SUS preferindo gastar com exames, internações hospitalares e cirurgias do que com a prevenção e como já diz o ditado é melhor prevenir do que remediar!!!

  8. Passo por isso todos os dias, trabalho e recebo por convênios, o maior valor pago por convênios de uma consulta foi 35,00 reais, acho isso um absurdo, trabalho com isso, mas assim que conseguir outro trabalho vou sair deste. Os planos de saúde deveriam valorizar mais a profissão, pois uma grande parte das doenças que acometem os brasileiros tem como uma de suas principais causas os hábitos alimentares incorretos.

  9. Olá Carolina! Seu texto caiu como uma luva hoje. Comentei sobre os convênios hj e chutei o valor de 10 reais por atendimento. Qd li que era 4,00 (QUATRO!!!??) fiquei de cabelo em pé. Num país onde se paga altos impostos e altos valores pra plano de saúde, acho isso um tremendo desrespeito com todas as classes de profissionais de saúde. E realmente NÃO tem condições de se atender alguém em 15 min. A minha primeira consulta leva em média 1h30min!! Conheço um médico que atende em 10 min. O paciente nem esquenta a cadeira. Absurdamente revoltante!!Parabéns pelo seu texto! Abraços!

  10. Carolina! Gostei do texto, é esclarecedor. Sou nutricionista também e estou começando agora em atendimento e foi bom saber sobre os convenoio. Eu sabia que era baixo o preço das consultas, mas não imaginava ser essa vergonha. Em um país que deveriam valorizar o profissional da saúde, uma vez rque a população esta sofrendo com tantas doenças crônicas. Parabéns!

  11. Achei o site quando procurava razão de ser tão dificil ter uma consulta pelo convenio. Entendi que os valores que o convenio paga é muito baixo. Mas não entendi pq no particular cobram tão caro. Se não fosse tão alto na hora do paciente escolher ia optar por não ter convenio e pagar as consultas. Dificil que hoje uma consulta particular chega a ser mais que a mensalidade toda do convenio.

    1. Bom dia Henrique,
      Em São Paulo existem muitas nutricionistas competentes, acreditamos que se você pesquisar com calma e paciência irá encontrar o que você deseja dentro da faixa de preço desejada.

      Att
      Assessoria CG

  12. Vou concordar somente em parte, porque sou Nutricioista, atendo convênio e não atendo em 15 m, faço a avaliação corporal completa e chega a levar de 40 a 60 m cada paciente,mas o repasse dos convênios é demorado, é pouco e desestimula sim, o tempo de espera para liberação de senhas é demorado e quando o convênio nega a senha,o paciente não entende e acaba achando que é o profissional que dificulta ou que não quer atender,e cabe a nós profissionais estar aceitando ou não esses valores muito baixos, eu por exemplo não aceito, o tempo que vou gastar p/ receber e o valor que virá com certeza não valeria a pena.

    1. Bom dia Hélide,
      Inicialmente você afirma atender convênio, porem ao final diz não aceitar por não valer a pena. E cita os 5 motivos principais que inviabilizam o atendimento nesse formato(trabalha muito, ganha pouco e não é reconhecida). Como você já deu a resposta, talvez esse seja um bom momento para reavaliar a forma que você captura valor no seu segmento.
      Recomento a você conhecer o portal https://endeavor.org.br/ nesse site tem dicas e materiais muito bons para empreendedores. Desejamos sucesso.

      Att
      Assessoria CG

    2. Concordo totalmente com você! Detalhe: um pintor ou pedreiro hoje em dia estão recebendo em torno de 3 a 5 mil por mês. Um nutricionista ou médico tem que atender 300 pessoas por mês pra conseguir receber isso. É um absurdo!
      mas eu vejo também que parte disso é culpa da nossa cultura. Eu sou farmacêutico e trabalho com obesidade, em equipes com médicos e nutricionistas…Sabe, eu vejo pessoas que gastam 300 reais numa garrava de vodka na balada reclamando de pagar 100 ou 150 reais numa consulta… Uma vodka vale mais do que sua saúde?

  13. Olá Carolina, primeiramente gostaria de parabenizá-la pelo dia de hoje, nosso dia…dia da nutricionista, também pelos esclarecimentos…, mas me resta uma dúvida.
    já faço atendimento na região q eu moro, atendo particular, gostaria de saber se há um plano de saúde que tenha um repasse maior, não posso acreditar q é tão baixo assim o valor. Obrigada desde já!

  14. Olá Carolina, também sou nutricionista e até já atendi por convênios quando iniciei, mas hoje, 13 anos depois de ter inaugurado meu próprio consultório, não conseguiria sobreviver se dependesse deles. Tenho 22 anos de profissão, minhas consultas são particulares, duram uma hora em média, e entrego a dieta calculada e personalizada de três a seis dias após, pessoalmente. Tenho consultório cheio sempre! Acredito que fazer o que se gosta, buscando a perfeição, é o segredo para ter sucesso! Parabéns!

  15. Boa noite Carolina, permita me falar um pouco, não sou medico, nutricionista, não exerço nenhuma profissão médica, mas gosto muito da medicina.
    Sou paciente, enfartado e com diabetes tipo 2 e como tal fiquei por demais espantado com o valor digamos simbólico que os convênios pagam, mas cobram uma fortuna aos que contratam esses usurpadores. É por isso que meu convenio é recusado por muitos, porque além de pagar pouco ainda atrasa e no final quem se prejudica sou eu com a necessidade de atendimento.
    Parabéns, continue a luta, não desista. Desculpe-me por ter dado opinião sem ser da área medica, mas é que achei um absurdo a situação em que vocês são submetidos. Big abraço.
    Eu sou do Rio de Janeiro.

  16. Carolina.
    Cheguei até seu site por compartilhamento de uma amiga no facebook sobre o bolo de aveia e maça.
    Não sou médico e tampouco da area da saúde, sou advogado e contador.
    Lendo seu posicionamento sobre plano de saúde, se me permite, vou explanar minha opinião.
    Eu discordo sobre o que você escreveu.
    Sem entrar no mérito do problema de saúde ocorrido, minha esposa, através de indicações conheceu uma ginecologista / obstetra que atende pelo plano de saúde (sul america e bradesco). Ela sempre foi atendida pela médica através do plano de saúde, jamais a médica teve pressa em atender, em diversas consultas que eu fui com a minha esposa, ficamos muito mais do que 15 min dentro da sala da médica, posso falar em 1 hora com certeza. A médica além disso, atende particular. Essa médica é muito bem conceituada no ramo de atividade que atua e não é “refém ou escrava do trabalho”. Gostaria até de indica-la para você, pois além de médica é uma pessoa humana, não acha ninguém falando mal dessa pessoa na internet. Só não falo o nome dela aqui, pois não tenho essa autorização dela para isso, mas por outro tipo de mensagem, sem estar exposta aqui eu falo, puramente por indicação.
    Cada um tem suas opiniões e métodos de trabalho. Como eu disse acima sou contador e advogado e as vezes atendo gratuitamente aquelas pessoas que não tem condições de pagar um profissional.
    Ah, antes que eu termine este email, estou procurando uma nutricionista.

    1. Marcelo, penso parecido como você.
      Tenho excelentes médicos que atendem planos pelo meu plano de saúde.
      E entendo o posicionamento da Carolina, acredito que ela só pecou na comparação entre quem atende com plano ou sem.
      Há questões que não precisam ser justificadas.
      Não atende por plano porque prefiro assim, ponto final! =)

  17. Também sou nutricionista e já pensei em atender convênios, mas realmente não vale a pena. Estudamos muito e não somos valorizadas! Em uma consulta de primeira vez nem em 30 minutos eu conseguiria atender. Não gosto de atender com pressa, por isso, só atendo com hora marcada e com um bom intervalo entre os pacientes, pois não acho justo que fiquem horas esperando pela consulta, afinal as pessoas têm outros compromissos. O paciente precisa ser ouvido e ter tempo para esclarecer suas dúvidas. Através da conversa captamos várias informações sem que o paciente nem percebe, mas que são importantes. Concordo com sua opinião sobre o motivo de não atender convênios. Eu também não atendo!

  18. Gostei bastante do texto, mas tenho um receio… Para os nutricionistas que estão começando, não seriam os planos um bom atrativo de pacientes? Tenho receio de não atender pelos planos e acabar tendo dificuldade de atrair os pacientes. O que me diz sobre isso?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *